Comissão do Congresso aprova Orçamento da União de R$ 3,3 trilhões para 2019

 

Fonte: Blog do BG

O texto do senador Waldemir Moka (MDB-MS), que detalha as receitas e despesas federais, precisa ser analisado no plenário do Congresso antes de seguir para a sanção presidencial. A tendência é que o projeto seja analisado pelo plenário na semana que vem, uma vez que o recesso parlamentar terá início no dia 23.

Na prática, como o prazo final para a sanção ou veto deverá ser no começo janeiro, a decisão poderá ficar nas mãos do presidente eleito.

A proposta prevê receitas e despesas totais para o ano que vem de R$ 3,381 trilhões. O projeto considera que o déficit nas contas públicas pode chegar a R$ 139 bilhões, o equivalente a 1,9% do PIB.

“Não estamos aqui fabricando receita. Estamos fazendo um Orçamento dentro do que o poder Executivo mandou”, declarou o relator.

Na área das despesas, os gastos com a Previdência lideram – R$ 637,9 bilhões. Gastos com pessoal somam R$ 351,4 bilhões.

A dotação prevista para o Bolsa-Família em 2019 é de R$ 29,5 bilhões – o texto reduziu o montante previsto para o programa que está condicionado a aprovação de créditos: esse valor passou para 5,7 bilhões.

O Mais Médicos terá R$ 3,7 bilhões no ano que vem. Já o programa Minha Casa, Minha Vida terá prevista dotação de R$ 4,6 bilhões.

Os investimentos vão alcançar R$ 38,9 bilhões. Os benefícios fiscais – renúncias de tributos e subsídios, por exemplo – devem somar R$ 376,2 bilhões no ano que vem, valor que corresponde a 5,1% do PIB.

“O governo de transição participou, conversou, esteve aqui conosco e deu a contribuição que poderia dar dentro do prazo que nós estabelecemos”, afirmou o presidente da CMO, Mário Negromonte Júnior (PP-BA).

Força Nacional prende em Natal suspeito de participar de assassinato de prefeito de Rio Claro, RJ

 

Fonte: G1

Agentes da Força Nacional prenderam em Natal, nesta quinta-feira (13), um homem suspeito de ter participado do assalto que resultou na morte do prefeito de Rio Claro, no Rio de Janeiro, em 2015. O suspeito tem 30 anos, estava escondido na capital potiguar e trabalhava como vendedor na Praia de Ponta Negra, na Zona Sul, ponto turístico mais frequentado da cidade.

Raul Fonseca Machado era prefeito de Rio Claro quando foi vítima de um latrocínio em 20 de dezembro de 2015, no sítio onde morava com a esposa. De acordo com a Polícia Militar, homens armados e encapuzados entraram na propriedade e renderam o casal. Dr. Raul, como era conhecido, foi baleado em uma troca de tiros com os criminosos. O corpo dele foi encontrado em um dos quartos. A esposa do prefeito não se feriu.

Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio de R$ 42 milhões

 

Segundo a Caixa, caso aplicado na poupança o valor do prêmio principal renderia quase R$ 156 mil por mês. O dinheiro também seria suficiente para adquirir 20 apartamentos, com carro na garagem.
A aposta mínima na Mega-Sena, com seis dezenas, custa R$ 3,50 e pode ser feita até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio em qualquer uma das mais de 13 mil casas lotéricas credenciadas pela Caixa em todo o país.

Bolsonaro quer doar mais de R$ 1 milhão de sobras de campanha

 

Antes das 8h desta sexta-feira (14), o presidente eleito, Jair Bolsonaro, usou sua conta no Twitter para informar que pretende doar as sobras de campanhapara instituições de caridade. Segundo ele, restou mais de R$ 1 milhão.

“Continuamos fazendo gestões para viabilizar a doação do restante dos recursos arrecadados em campanha não utilizados [+ de R$ 1.000.000] às instituições beneficentes ao invés deste valor ficar preso ao partido.”

relatório final do PSL apresentado ao TSE diz que a campanha do presidente eleito teve R$ 4,377 milhões em receitas, sendo R$ 3,728 milhões recebidos na modalidade “financiamento coletivo”.

Médicos têm até hoje para se apresentar aos municípios

 

Fonte: Agencia Brasil

Profissionais com registro no país que se inscreveram no Programa Mais Médicos têm até hoje (14) para se apresentar nos municípios escolhidos. O começo da atuação, de acordo com o Ministério da Saúde, deve ser estabelecido junto ao gestor local. Dados da pasta mostram que, até as 11h da última segunda-feira (10), 53% dos profissionais haviam comparecido ou iniciado as atividades nas localidades.

O programa recebeu 36.490 inscrições, preenchendo 98,7% (8.411 profissionais alocados) das 8.517 vagas disponibilizadas no edital. Até o momento, estão abertas para as próximas etapas 106 vagas em 29 localidades. Na próxima segunda-feira (17), o ministério fará um balanço das vagas disponíveis, somando as desistências e as que não tiveram procura. Profissionais com registro no país terão nova chance para se inscrever e escolher os municípios disponíveis nos dias 18 e 19 de dezembro.

Trânsito e transporte mudam no entorno da Arena das Dunas por causa do Carnatal

 

Fonte: Tribuna do Norte

A Prefeitura do Natal, por meio da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU), informa que haverá alterações no trânsito no entorno da Arena das Dunas a partir de quinta-feira (13) até o domingo (16) por causa do Carnatal.
Durante o evento, será fechada a Av. Lima e Silva, no trecho entre o Viaduto Estaiado e a BR-101 Sul, apenas no sentido BR-101. Também será fechada a Av. Romualdo Galvão a partir da Av. Miguel Castro. Na quinta-feira e sexta-feira, a interdição começa às 16h. Já no sábado e domingo, começa às 15h.

Como rotas alternativas, o motorista que costuma utilizar a Av. Lima e Silva para chegar a BR-101 pode entrar na Av. Miguel Castro, Rua São José, Av. Amintas Barros e depois na Av. Sen. Salgado Filho, de onde acessa a rodovia federal. Já o motorista que a utiliza a via para acessar a Av. Prudente de Morais, pode entrar no Túnel da UFRN, Marginal da BR-101 (sent. Parnamirim), Rua Ataulfo Alves e na Rua Bento Gonçalves, onde chega a Av. Prudente de Morais.

Já para quem costuma utilizar a Av. Romualdo Galvão para chegar a BR-101 pode entrar na Av. Miguel Castro, depois na Av. Prudente de Morais e Av. Amintas Barros, onde chega a Av. Sen. Salgado Filho e segue para a rodovia federal. Já quem costuma acessar a Av. Romualdo Galvão a partir do Viaduto do 4º Centenário, deve seguir para o Túnel da UFRN, Marginal da BR-101 (sent. Parnamirim) e entrar na Rua Ataulfo Alves, Rua Bento Gonçalves, Av. Prudente de Morais e na Av. Amintas Barros, acessando a Av. Romualdo Galvão.

Desvio do transporte público
Devido os bloqueios, sete linhas de ônibus que circulam na região vão mudar de itinerário.

Segundo a STTU, a linha 08 (Redinha/Mirassol, via Av. Cap.-Mor Gouveia) muda de itinerário apenas no sentido Mirassol a partir da Av. Amintas Barros, deixando de entrar na Av. Prudente de Morais e seguindo direto na Av. Amintas Barros até a Av. Sen. Salgado Filho, onde acessa a BR-101 Sul e segue seu itinerário normal.

Já linha 31 (Felipe Camarão/Pirangi, via Campus/Candelária) muda de itinerário apenas no sentido Pirangi a partir da Av. Cap.-Mor Gouveia, entrando na Rua São José, Rua Raimundo Chaves, Marginal da BR-101, Túnel da UFRN, Marginal da BR-101, Anel Viário da UFRN e segue seu itinerário normal.

Por sua vez, as linhas 33 (Planalto/Praia do Meio, via Av. Prudente de Morais) e 44 (Rocas/Cidade Satélite) vão mudar apenas no sentido Cidade Satélite a partir da Av. Prudente de Morais, entrando na Av. Miguel Castro, Rua São José, Av. Amintas Barros, Av. Sen. Salgado Filho e chega a BR-101 Sul, de onde segue normalmente.

As linhas 33A (Planalto/Praia do Meio, via Av. Hermes da Fonseca) e 39 (Cidade Nova/Ribeira) mudam de itinerário apenas no sentido Petrópolis a partir da Av. Prudente de Morais, entrando na Av. Amintas Barros e chegando a Av. Sen. Salgado Filho, de onde seguem normalmente.

Por fim, a linha 599 (Leningrado/Guarapes/Mirassol, via Av. Cap.-Mor Gouveia) muda de itinerário apenas no sentido Mirassol a partir da Av. Cap.-Mor Gouveia, entrando na Rua São José, Rua Raimundo Chaves e chega a Marginal da BR-101, da onde segue normalmente.

Em caso de dúvidas os usuários podem ligar para o Alô STTU – no telefone 156 – ou perguntar pelo Twitter oficial, o @156Natal.

Petrobras eleva em 1,12% preço médio da gasolina nas refinarias nesta quinta

 

Fonte: Agora RN

A Petrobras anunciou alta de 1,12% no preço médio do litro da gasolina A sem tributo nas refinarias, válido para esta quinta-feira, dia 13, para R$ 1,6121.

O preço do diesel, por sua vez, permanece em R$ 1,7984 até 15 de dezembro, diante dos novos valores dos preços de referência para o quinto período da terceira fase do programa de subvenção ao diesel, de acordo com a estatal.

Em 6 de setembro, a diretoria da companhia anunciou que além dos reajustes diários da gasolina, terá a opção de utilizar um mecanismo de proteção (hedge) complementar.

Rua fica coberta de chocolate após vazamento em fábrica na Alemanha

 

Fonte: G1

Uma rua em uma cidade no Oeste da Alemanha ficou coberta por chocolate após o alimento vazar de uma fábrica que produz o chocolate DreiMeister.

O jornal alemão Soester Anzeiger informou que o vazamento ocorreu quando um tanque de entrega fazia a transferência para a fábrica, que fica na cidade de Westoennen, em Werl.

De acordo com o jornal, um “pequeno defeito técnico” teria sido a causa do vazamento.

Uma tonelada de chocolate se espalhou pela rua ao lado da indústria. Como o tempo estava frio, logo o alimento se solidificou – e virou uma imensa barra de chocolate.

Vinte e cinco bombeiros foram chamados e tiveram trabalho para retirar todo o chocolate do chão, usando pás, água quente e tochas para tentar derreter o alimento que, por conter gordura, poderia representar risco para o trânsito na rua atingida.

Bombeiros tiveram trabalho para retirar o chocolate que solidificou no chão após vazamento. — Foto: Feuerwehr Werl/Reuters

Bombeiros tiveram trabalho para retirar o chocolate que solidificou no chão após vazamento. — Foto: Feuerwehr Werl/Reuters

Homem recebe maconha pelos Correios e é preso em flagrante pela PF na Grande Natal

 

Fonte: G1

A Polícia Federal prendeu nesta terça-feira (11) um homem no momento em que ele receberia cerca de 1,6 kg de maconha em uma agência dos Correios na cidade de Parnamirim, Grande Natal. A droga havia sido despachada pelo correio do Paraná, segundo a PF.

Durante verificação rotineira foi detectada, através de inspeção por raio-x, a presença de quantidade significativa de material orgânico no interior da encomenda postal. Acionados, policiais federais acompanharam de forma velada o trajeto do material até seu destinatário.

Governo expulsa 566 servidores por irregularidades este ano

 

Fonte: Agencia Brasil

O governo federal expulsou 566 servidores públicos federais por irregularidades de janeiro a novembro deste ano. Segundo o Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU), o número já é o mais alto no comparativo anual desde o início da série histórica em 2003.

A prática de atos relacionados à corrupção foi o principal motivo das punições, com 371 penalidades, o que corresponde a 65,5% dos casos. No ano, houve 467 demissões de servidores efetivos, 73 cassações de aposentadorias e 26 destituições de ocupantes de cargos em comissão. De 2003 a novembro de 2018, foram expulsos 7.281 servidores.