Com igreja fechada por coronavírus, Pe. Reginaldo Manzotti celebra missa com fotos de fiéis

Pe. Reginaldo Manzotti recebeu mais de 100 mil fotos

Compartilhe esse post

RIO – Já chega a 100 mil o número de fotos de fiéis recebidas  pelo o pároco e reitor do Santuário de Nossa Senhora de Guadalupe em Curitiba, Reginaldo Manzotti. Com as missas suspensas por causa da crise do novo coronavírus, ele começou em seu programa de rádio, na TV e no Youtube a pedir que as pessoas enviassem suas fotos para “ocupar” os bancos da igreja, onde segue a rotina de ministrar missas diárias, três vezes ao dia. Mas de portas fechadas. O Santuário, antes do coronavírus, recebia uma média de 20 mil fiéis.

— No primeiro dia que rezei a missa sozinho, acostumado que estava aos bancos cheios, tive um choque. Ao mesmo tempo, comecei a receber, nas redes sociais, os primeiros pedidos por oração por mortos pelo coronavírus. Queria dar aos fiéis a sensação de que estão no templo- disse o pároco.

Chegaram fotos do Paraguai, de Israel e da Alemanha. De quinta para sexta-feira, o número pulou de 5 mil para 100 mil. Ele substitui as fotos, e as coloca em uma cesto, no altar. Para realizar a missa, o pároco precisa de um cantor, um ministro e um leitor. Mesmo fechadas, por determinação do Vaticano, as celebrações seguem acontecendo.

— As pessoas estão em busca de segurança e conforto. Estarei aqui no isolamento, na igreja, por 40 dias. Mas sei que temos que manter uma rede de fé.

Embaixador da pessoa idosa na Igreja Católica, ele também tem feito apelo:

— Imploro, em meus programas de rádio para que fiquem em casa.

Mazotti disse que levou um choque ontem à noite, ao receber, durante transmissão no Youtube, mensagem de uma senhora que havia acabado de perder a mãe com o coronavírus.

Fonte: O Globo

Foto: Divulgação

View this post on Instagram

Quando soube que teríamos de fechar as portas do Santuário e as celebrações seriam sem público, a primeira coisa que pensei foi na solidão em não ver os paroquianos lotando os bancos durante as missas O que eu poderia fazer para que o público se sentisse dentro do Santuário , mas respeitando todas as orientações? Então, me inspirei em um sacerdote italiano e pedi para que os fiéis enviassem fotos de suas famílias para espalhar nos bancos. Em menos de 24 horas recebemos mais de 100 mil fotos. Muitas já estão coladas nos bancos e diariamente faremos um rodízio para que todos sintam-se acolhidos. Quero continuar levando a Palavra de Deus e sendo um girassol para todos nesse momento de angústia. Já mandou a sua? minhafoto@evangelizarepreciso.com.br Fotos: Felipe Gusso

A post shared by Padre Reginaldo Manzotti (@padremanzotti) on


Compartilhe esse post

Ler Anterior

China não registra contágios locais pelo coronavírus

Ler Próximo

Brasil fecha fronteira com Uruguai para estrangeiros

Envie uma mensagem para o setor responsável.
WeCreativez WhatsApp Support
98 FM
Pedir Música
Acessível
WeCreativez WhatsApp Support
Flávio Amorim
Comercial
Acessível
WeCreativez WhatsApp Support
Sheyla
Vendas
Acessível
WeCreativez WhatsApp Support
Vanessa
Vendas
Acessível