Paulo Skaf pede a Bolsonaro que gestão da crise seja centralizada

Presidente da Fiesp apontou que Estados comandam medidas sem planejamento central

Compartilhe esse post

O presidente da Federação e do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp e Ciesp), Paulo Skaf, pediu hoje ao presidente Jair Bolsonaro “centralização do comando das ações com eficiência e agilidade.”

” Precisamos que isso seja de forma planejada. A primeira sugestão é que se crie um comitê de gestão sobre a sua presidência para que haja a participação de todos nós”, disse Skaf durante uma reunião por videoconferência, convocada pelo Governo com empresários, na tarde desta sexta-feira (20).

O empresário também pediu por hospitais especializados apenas no coronavírus e afirmou que a iniciativa privada deveria ceder espaços para auxiliar na área da saúde, como fornecer locais onde possa se realizar a manutenção de equipamentos hospitalares. “Temos escolas, centros de treinamento, campos de futebol… Empresas podem resolver, mas o ministro precisa demandar”, disse. “Estados comandam medidas assim sem planejamento central.”

Skaf também demandou que sejam feitas reuniões periódicas entre representantes do governo e da iniciativa privada. “Talvez todo final de dia ou a cada três dias uma videoconferência com o Ministério da Economia e o Ministério da Saúde”.


Compartilhe esse post

Ler Anterior

Governo não descarta recessão técnica no primeiro semestre

Ler Próximo

Brasil tem 11 mortes por covid-19 e 904 casos confirmados

Envie uma mensagem para o setor responsável.
WeCreativez WhatsApp Support
98 FM
Pedir Música
Acessível
WeCreativez WhatsApp Support
Flávio Amorim
Comercial
Acessível
WeCreativez WhatsApp Support
Sheyla
Vendas
Acessível
WeCreativez WhatsApp Support
Vanessa
Vendas
Acessível