Caern lança campanha para negociação de débitos

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) vem oferecendo opções para facilitar a vida do cidadão com negociações de débitos com condições especiais e, principalmente, trabalhando incansavelmente para levar água de qualidade aos lares potiguares durante a pandemia. Agora em outubro, a Caern lança uma nova campanha de negociação de débitos, possibilitando, aos clientes que possuem dívidas com a empresa, condições facilitadas de ficar no azul, até 13 de novembro.

A Caern registra um alto índice de inadimplência em todo o Estado. São aproximadamente 75 mil faturas em atraso, o que representa R$58 milhões devidos à Companhia. Com a retomada econômica e o fim da política de suspensão de cortes, é importante que o cliente se informe sobre as condições especiais e regularize sua situação de débitos, de maneira a garantir o fornecimento deste serviço essencial.

As maquinetas para pagamento de faturas atrasadas estão sendo implantadas para as equipes de corte em todo o Estado. Hoje já está disponível em Natal, Macaíba, Mossoró e Parnamirim. Isto quer dizer que antes de executar o corte, o cliente tem a opção de negociar os valores em atraso.

NOVA CAMPANHA

A partir desta segunda-feira (19), até o dia 13 e novembro, o valor da entrada para parcelamento, na própria fatura da Caern, está reduzido de 30% para apenas 10%. Por exemplo, quem tem um débito de R$300, poderá parcelar com entrada de R$30.

A Caern também retomou o parcelamento em até 36 vezes, sendo a parcela mínima correspondente a 50% do valor médio da fatura. Assim, se o consumidor tem uma fatura mensal média de R$60, o seu valor mínimo para a parcela é de R$30, respeitando a incidência de juros, multas e atualização monetária.

O parcelamento pode ser feito pelo Whatsapp (84) 98137-2343, na Agência Virtual (http://caern.com.br), através do link parcelamento de dívidas, ou nos escritórios de atendimento, mediante agendamento prévio na Agência Virtual ou no endereço http://agendamento.caern.com.br.

CARTÃO DE CRÉDITO – É possível negociar as faturas com o cartão de crédito, sem entrada, com isenção de juros e multas, em até 12 vezes e com parcela mínima de R$5. A forma de negociação é a mesma da outra modalidade.

FISCALIZAÇÃO – A Caern tem intensificado a fiscalização de ligações irregulares e as fraudes no sistema. Além de coibir o uso indevido, a ação visa melhorar a distribuição de água para os consumidores. Os cortes por inadimplência também serão intensificados.

Fonte: Portal Grande Ponto


Ler Anterior

Caixa abre 772 agências hoje para pagar saque emergencial do FGTS

Ler Próximo

Última etapa da transposição do São Francisco beneficiará 32 municípios no estado