Chefe de Estado pede demissão após furar fila de vacina na Espanha

Foto: Divulgação

O Chefe do Estado-Maior da Espanha, Miguel Ángel Villarroya, pediu demissão do cargo depois de ter furado a fila das vacinas no país. O general é o número 1 das Forças Armadas espanholas e foi imunizado contra a Covid-19 junto com outros nomes da cúpula do órgão, furando os protocolos de prioridades estabelecidos pela União Europeia (UE).

“Com o objetivo de preservar a imagem das Forças Armadas, o General Villarroya apresentou hoje seu pedido de demissão à ministra da Defesa”, diz nota do Estado Maior. O pedido foi enviado neste sábado (23) à ministra da Defesa, Margarita Robles. O ministério ainda não se manifestou, mas a imprensa local afirma que o pedido foi aceito.


Ler Anterior

Vacinação de idosos institucionalizados começa na segunda (25) em Natal

Ler Próximo

Natal terá carreata contra Bolsonaro neste sábado