Cientistas do Consórcio NE querem lockdown em Natal e Mossoró

Sem representante do Rio Grande do Norte desde a saída do professor da UFRN Ricardo Valentim do grupo, o comitê científico do Consórcio Nordeste, liderado por Miguel Nicolelis, recomenda o lockdown em Natal e Mossoró

Compartilhe esse post

Sem representante do Rio Grande do Norte desde a saída do professor da UFRN Ricardo Valentim do grupo, o comitê científico do Consórcio Nordeste, liderado por Miguel Nicolelis, recomenda o lockdown em Natal e Mossoró. O bloqueio total de circulação nas duas maiores cidades potiguares foi sugerido no último boletim emitido pelo colegiado nesta quinta-feira (21). O documento também é assinado por Sérgio Rezende.

Na avaliação dos cientistas, ambas cidades possuem uma curva ascendente de casos e óbitos relacionados à pandemia de coronavírus e ocupação acima de 80% dos leitos gerais de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) específicos para casos de Covid-19.

O Governo do Rio Grande do Norte afirmou que as considerações do comitê do Consórcio Nordeste são “apontamentos importantes”, mas que a avaliação do comitê científico local, formado no âmbito da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap/RN) e Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), é mais considerada porque o comitê “está mais próximo e atento a todas nuances da situação específica local”. O último entendimento do comitê da Sesap e UFRN é, ao contrário do Comitê do Nordeste, pelo não-isolamento total, por enquanto.

Fonte: Portal Grande Ponto


Compartilhe esse post

Ler Anterior

Assembleia Legislativa do RN define membros da CPI da Arena das Dunas

Ler Próximo

Jogos de Tóquio: dirigente do COI cita Brasil ao cogitar cancelamento das Olimpíadas

Envie uma mensagem para o setor responsável.
WeCreativez WhatsApp Support
98 FM
Pedir Música
Acessível
WeCreativez WhatsApp Support
Flávio Amorim
Comercial
Acessível
WeCreativez WhatsApp Support
Sheyla
Vendas
Acessível
WeCreativez WhatsApp Support
Vanessa
Vendas
Acessível