Conselho municipal de saúde vai cobrar prefeitura e Ministério Público implementação do “lockdown” em Natal

A decisão foi tomada em reunião extraordinária realizada quarta-feira (27) entre os membros do colegiado

O Conselho Municipal de Saúde decidiu cobrar da prefeitura de Natal e do Ministério Público a implementação do lockdown. A decisão foi tomada em reunião extraordinária realizada quarta-feira (27) entre os membros do colegiado.

De acordo com a presidenta do Conselho, Maria Dalva Horácio, a medida foi aprovada como estratégia urgente para enfrentar a pandemia na cidade, considerando a aceleração da curva de contaminação e a limitação estrutural da rede municipal de saúde.

Nos últimos dias, há dificuldades de equipamentos e profissionais em todos os níveis da atenção de saúde, problemas que só aumentam com a redução da quarentena por parte da população e a falta de testes para aferir quem está contaminado, incluindo os profissionais de saúde.

Ela ressaltou ainda que foi uma decisão tomada após debate democrático no Conselho. Além da decisão pelo confinamento radical, foi decidido também que o Poder Executivo promova campanhas educativas para a população sobre o combate à pandemia e importância do isolamento. O objetivo é tornar a propagação da doença minimamente administrável para garantir o acesso a saúde para todos que necessitem.

Fonte: Portal Saiba Mais


Ler Anterior

Índice de Confiança de Serviços sobe 9,4 pontos em maio

Ler Próximo

PGR se manifesta contra apreensão do celular de Bolsonaro