Coronavírus: Presidente da ABIH-RN diz que crise é “avassaladora”

Presidente comenta sobre fechamento de hotéis no estado

Foto: Reprodução

Em 2015, o Nordeste se viu no epicentro de uma epidemia causada pelo vírus da Zika que impactou o turismo. No ano passado, foi a vez do óleo no mar resultar em cancelamentos de pacotes para a região. Entretanto, perto do momento atual da covid-19, as crises passadas quase parecem irrelevantes.

“Parou tudo completamente. Isso jamais tinha acontecido, os hotéis fecharam. A crise é avassaladora para o setor”, afirma José Odécio, presidente da ABIH (Associação Brasileira da Indústria de Hotéis) no Rio Grande do Norte.

“No caso da Zika foi algo pontual. Já a crise do óleo não trouxe uma paralisação do setor, só uma redução temporária no número de reservas, com pouquíssimos cancelamentos”, explica o líder do trade no Rio Grande do Norte.

Fonte: Portal Grande Ponto


Ler Anterior

Coronavírus: África tem 136 mortes e mais de 4 mil infectados

Ler Próximo

RN recebe mais 168 mil doses de vacina contra H1N1