Coronavírus: Rodrigo Maia critica postura de Bolsonaro. Assista

Em entrevista coletiva, presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), explicou que proposta prevê redirecionamento de recursos para enfrentar situação do Covid-19

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM) acabou de informar que o texto da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) do “Orçamento de guerra” deve estar pronto na segunda-feira que vem. A ideia é poder altear o Orçamento 2020 para enfrentar melhor a situação gerada pelo Coronavírus. A ideia é separar o Orçamento Fiscal do Orçamento para conter a crise.

Rodrigo Maia também comentou as recentes declarações do presidente Jair Bolsonaro. “Neste momento a gente tem de estar com as vidas dos brasileiros e com os empregos dos brasileiros”, disse. E acrescentou: “Frases de efeito não vão resolver o nosso problema”. Rodrigo Maia também disse esperar do governo federal a criação de um protocolo para proteger os idosos mais pobres, que normalmente vivem em residências pequenas e junto a vários familiares mais jovens que continuam saindo de casa, o que os coloca em risco de infecção pelo coronavírus.

“A partir do momento que o governo tiver uma política séria e construir uma situação de isolamento para essas pessoas, certamente a gente terá condição de liberar os mais jovens [para voltar às atividades]. Pedir uma liberação vertical sem uma operação de guerra para proteger os idosos de comunidades me parece uma decisão não muito bem elaborada”, declarou.

Confira a entrevista na íntegra:


Ler Anterior

Coronavírus: carga de energia do Brasil recua para níveis de fim de semana

Ler Próximo

Coronavírus: Repórter 98 traz as informações mais recentes sobre o Covid-19. Assista