Corpo encontrado em Tibau do Sul pode ser de adolescente desaparecida

A família já identificou o corpo, mas ainda aguarda a confirmação oficial

O coletivo União das Mulheres de Tibau do Sul divulgou nesta segunda-feira (30) a informação de que um corpo encontrado neste domingo (29), na mata entre o distrito de Bela Vista e o Rio Catu, em Tibau do Sul, pode ser da adolescente Andreza Alves do Nascimento, desaparecida desde o último dia 21.

A família já identificou o corpo, mas ainda aguarda a confirmação oficial, devido ao avançado estado de decomposição. Todos os pertences encontrados no local são da adolescente.

Andreza desapareceu no dia 21, quando retornava do trabalho. Ela tinha 16 anos de idade, trabalhava em uma lavanderia em Pipa e residia no distrito de Cabeceiras, em Tibau do Sul. Deixa uma filha de um 1 ano e 7 meses.

Em contato com a Polícia Civil, o coletivo de mulheres foi informado que a investigação continua em andamento.

“O coletivo União das Mulheres de Tibau do Sul (UMTS) se solidariza à família e continuará acompanhando este possível caso de feminicídio em nosso munícipio. Em defesa da vida de todas as mulheres, queremos justiça pela nossa Andreza!”, diz a nota envida pelo grupo.

Devido à condição socioeconômica da família, o coletivo está recolhendo doações para a filha da adolescente. Interessados em contribuir podem entrar em contato pelo instagram @uniaodasmulheres.tbs ou procurar o @cafelagoa, no Centro de Tibau do Sul.

O coletivo também programou um ato para esta terça-feira (01) às 16h, em frente à delegacia civil de Tibau do sul. O grupo convoca toda a comunidade sul-tibauzense a participar.

Fonte: Portal Grande Ponto


Ler Anterior

Covid-19: Brasil registra 24.468 casos e 272 mortes em 24 horas

Ler Próximo

Centros de atendimento Covid de Natal realizaram 658 consultas no fim de semana