Styvenson pede desculpa por fala sobre agressão policial a mulher em interior do RN: “Fui infeliz”

Senador Styvenson Valentim (Podemos). Foto: 98FM

O senador Styvenson Valentim (Podemos) se retratou de suas falas a respeito de uma agressão sofrida por uma mulher por parte de um policial militar no interior do Estado. Em uma live no último final de semana, o parlamentar chegou a dizer que não sabia o que a mulher fez para ‘merecer’ os tapas, o trecho com a fala do senador viralizou nas redes sociais. Em entrevista ao Repórter 98 desta segunda-feira (26), ele se desculpou e afirmou ter sido infeliz nos comentários.

“Fui infeliz na fala? Fui. Usei o vocabulário equivocado, errado? Usei. Usei o verbo merecer, usei ‘tapas bons’ no quesito de ser firme, contundente feita pelo policial militar. Mas durante a fala se contextualizar, eu busco querer entender o motivo daquela violência”, afirmou.

O senador disse que apurou o que aconteceu no ocorrência e que conversou com o PM envolvido e que o agente contou que perdeu a cabeça e está arrependido de ter cometido a agressão.

“Eu me arrependo, estava numa live espontânea, muitas vezes por ser muito prematuro na política acho as vezes que posso me posicionar como policial militar”, ressaltou o senador.

Styvenson pontuou ainda que nunca propagou e nem cometeu violência contra mulheres e ainda citou a nota de repúdio da bancada feminina no Senado em relação as suas falas. “Me espantou porque eu não fui procurado para explicar o que aconteceu”, disse.

Veja a entrevista: