Femurn orienta o congelamento de salários de prefeitos e vereadores para os próximos 4 anos

Declaração foi dada em entrevista ao 12 em Ponto 98 desta quinta-feira (2)

Sob alegação de crise econômica, “que deve se prolongar mesmo com o fim da pandemia”, o presidente da Federação dos Municípios do RN está orientando gestores a não aumentarem os salários dos gestores para a próxima gestão.

A orientação vai de encontro ao procedimento que várias Câmaras Municipais estão adotando, ao votarem agora os reajustes de salários dos prefeitos e vereadores que iniciarão seus mandatos em 2021.

Confira:


Ler Anterior

Presidente da Federação dos Municípios defende unificação das eleições em 2022, inclusive com possibilidade de intervenção nos municípios

Ler Próximo

ABC finaliza primeira etapa de testes para Covid-19 e elenco fica isolado no CT