BUSCAR
BUSCAR
INSS inicia fase experimental de perícia por videoconferência

Uma boa notícia para quem aguarda a perícia para ter direito ao Benefício Social pago à Pessoa com Deficiência.

O INSS inicia nesta segunda-feira (26) uma fase experimental onde as avaliações serão realizadas por meio de videoconferências. Essa fase piloto do serviço fica em vigor até o dia 27 de agosto e vai ocorrer somente nas unidades do INSS, não abrangendo, portanto, as entidades conveniadas.

A medida atende a uma determinação do Tribunal de Contas da União para reduzir a fila de espera pelas avaliações. É que, devido às restrições impostas pela pandemia da covid-19, o serviço chegou a ser interrompido em diversos estados resultando num acúmulo de pessoas que precisam da avaliação pericial para terem direito ao benefício.

De acordo com o INSS cerca de 100 mil pessoas aguardam a avaliação social.

O serviço será permitido apenas para o requerimento inicial do benefício, não podendo ser realizado nos casos de revisões ou de recursos.

O agendamento para a perícia será feito exclusivamente pelo portal de atendimento do INSS. A avaliação é remota por parte do avaliador, mas o requerente terá que comparecer pessoalmente ao local indicado. Ele vai ser, então, conduzido a uma sala onde ocorrerá a videoconferência com um assistente social. Não será permitida a presença de outras pessoas durante o exame.

Com informações Agência Brasil

Rua Carlos Chagas, 3466, Candelária, Natal/RN
(84) 4009-9898
[email protected]