Manifestantes pró-Bolsonaro “espancam” fotos de Fátima e ministros do STF durante protesto em Natal; VEJA VÍDEO

Agressões foram acompanhadas de gritos de “safados”, “bandidos” e “desgraçados”, entre outros xingamentos e ofensas

Manifestantes agridem cartaz com foto da governadora Fátima Bezerra (PT) – Foto: Reprodução

Movimentos de direita dispararam ataques verbais e ofensas e agrediram cartazes de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e da governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT), durante o protesto do último sábado (1º), em Natal, contra as medidas restritivas adotadas durante a pandemia de Covid-19. (VEJA VÍDEO ABAIXO).

Imagens gravadas durante o protesto e obtidas pelo PORTAL DA 98 FM mostram manifestantes jogando tomates e batendo em cartazes com as fotos de pelo menos oito ministros do STF e da governadora. As agressões foram acompanhadas de gritos de “safados”, “bandidos” e “desgraçados”, entre outros xingamentos e ofensas. No caso da governadora, a agressão simula um “espancamento” de Fátima.

O ataque ocorreu na Praça dos Três Poderes, em frente à Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. O local foi um dos pontos de protesto do grupo, que promoveu um ato na capital potiguar durante boa parte do dia a favor da reabertura de setores da atividade econômica que estão fechados por causa da pandemia e a favor do presidente Jair Bolsonaro.

No protesto, eles criticaram a governadora Fátima Bezerra por decretar medidas restritivas rígidas para conter o avanço da pandemia e ministros do STF por darem a governadores e prefeitos autonomia para editar medidas de controle da pandemia.

A maioria dos manifestantes usava máscara, mas descumpria outras medidas preventivas contra a Covid-19, como o distanciamento social. Eles vestiam camisas verdes ou amarelas e empunhavam bandeiras do Brasil.

 


Ler Anterior

ABC e América na corda bamba

Ler Próximo

Natalenses ignoram toque de recolher e lotam praia de Ponta Negra neste fim de semana