Março de 2021 foi o mês que o RN acumulou mais mortes desde o começo da pandemia

O mês passado acumulou 906 mortes, o segundo mês com mais óbitos no Estado foi junho de 2020 com 856, em seguida vem julho com 761 mortes, os dois últimos meses correspondem ao primeiro pico da pandemia no RN

 

 Março deste ano acumulou 906 mortes. Foto: Agência Brasil 

Março de 2021 foi o mês que teve mais mortes confirmadas por Covid-19 no Rio Grande do Norte, segundo dados da plataforma do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (Lais-UFRN) que compila as informações da pandemia no Estado. Março deste ano acumulou 906 mortes, o segundo mês com mais óbitos no Estado foi junho de 2020 com 856, em seguida vem julho com 761 mortes, os dois últimos meses correspondem ao primeiro pico da pandemia no RN. Os valores acumulados de óbitos confirmados por mês considera a data do óbito pela Covid.

O dia que o RN registrou mais mortes foi 1° de julho de 2020, quando foram confirmados 46 óbitos, o número se assemelha aos marcados nos dias 20 e 24 de março, quando o Estado teve 44 mortes por dia. A taxa de letalidade do mês atual, que ainda está no início, já chega a 6.77%. Os outros picos foram em julho de 2020 com 4.24%, junho de 2020 com 3.60% e março de 2021 que atingiu 3.09%. Esse índice consiste no número total de óbitos em relação à quantidade de casos confirmados de infecção pela Covid-19.

Março de 2021 também está na frente em relação ao número de casos da doença, são 29.324, um aumento de 23% em relação ao período de junho de 2020 que, até então, tinha o maior acumulo de casos, registrando 23.766 novos casos do novo coronavírus. Outro dado que chama atenção é a comparação dos meses de abril, nos 30 dias de 2020 o mês registrou 61 mortes, enquanto os 7 primeiros dias de abril de 2012 já contabiliza 103 óbitos.

Nesta quarta-feira (7) a Secretaria de Saúde do Estado confirmou 23 novos óbitos, com o total de 201.737 mortes, e 50.289 casos suspeitos. Em relação aos leitos críticos de UTI, o RN está com 96% de ocupação até as 19h desta quarta-feira, segundo os dados do site Regula RN do Lais-UFRN. O Estado precisa chegar a taxa de 80% de ocupação para a retomada econômica.


Ler Anterior

RN recebe mais 69 mil doses de vacina contra Covid nesta quinta-feira (8)

Ler Próximo

ABC sai na frente,cede empate e complica vida na Copa do NE