BUSCAR
BUSCAR
‘Me chutaram pela porta dos fundos’, diz Evaristo Costa sobre demissão da CNN

Evaristo Costa não esconde seu ressentimento pela CNN Brasil. O jornalista de 44 anos soube de sua demissão pela televisão e confrontou seus superiores. Mais do que isso, expôs a situação em suas redes sociais e lamentou toda a questão. Pouco mais de uma semana após o ocorrido, o profissional faz acusações contra a antiga casa. Até advogados entraram na história. “Eles me chutaram pela porta dos fundos”, reclama.

O desligamento de Costa foi oficialmente divulgado pela CNN Brasil em 3 de setembro. No mesmo dia, ele foi às redes sociais contar os bastidores de sua saída. Segundo ele, a constatação de que estava fora ocorreu – sem querer – quando ele via a própria CNN Brasil ainda em suas férias, em 1º de setembro.

“Eles foram extremamente deselegantes e despreparados durante o distrato. Fui surpreendido por quem não esperava ser surpreendido, considero uma sabotagem. Mas quem levou o tiro no pé pela atitude foram eles mesmos. Eu optei pela verdade”, declara ao Notícias da TV.

“Eu fui dispensado da forma que noticiei: descobri sozinho, assistindo à chamada da nova programação e não me vi – nem meu programa, nem eu – lá. Um dia antes de voltar das férias, liguei para a direção e disseram que meu programa iria sair da grade e que a CNN não tinha mais interesse nos meus serviços”, continua.

O ex-apresentador de Séries Originais revela algumas negociações sobre a questão. No entanto, não houve acordo. “Durante as tentativas de negociação, eles insistiram várias vezes para que eu anunciasse de forma conjunta à imprensa que foi um distrato de comum acordo e, claro, não aceitei a mentira. Chegaram até a me enviar o texto que queriam divulgar”, entrega.

Com informações de: Notícias da TV/UOL

Imagens: Divulgação/CNN Brasil

Rua Carlos Chagas, 3466, Candelária, Natal/RN
(84) 4009-9898
[email protected]