Mesmo com vacina já disponível, RN tem cerca de 60 mil idosos não imunizados

Em Natal, vacina está disponível em 35 UBS e 6 drives – Foto: Joana Lima / Secom

Apesar de a vacinação contra a Covid-19 já estar disponível para todos os que têm mais de 60 anos de idade, independentemente de pertencer a algum outro grupo prioritário, uma parcela dos potiguares nessa faixa etária ainda não compareceu a um dos postos de imunização para receber a proteção contra a doença. A informação preocupa porque idosos estão no grupo de risco para o desenvolvimento de formas graves da Covid.

Levantamento do PORTAL DA 98 FM com base em dados do Ministério da Saúde e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) projeta que aproximadamente 60 mil idosos potiguares estão sem vacina, mesmo com imunizantes à disposição.

Dados da plataforma oficial do Ministério da Saúde consultados nesta quarta-feira (23) mostram que, até agora, 460 mil pessoas com mais de 60 anos receberam ao menos uma dose de vacina contra a Covid-19 no Rio Grande do Norte. Desse total, 295 mil já receberam também a segunda dose.

Considerando a última estimativa populacional divulgada pelo IBGE, em 2019, o número de idosos vacinados com ao menos uma dose representa 88% do público-alvo. Segundo a entidade, o Estado tem 523 mil pessoas com mais de 60 anos. Considerando esse dado, é possível afirmar que há um contingente de mais de 60 mil potiguares sem vacina, mesmo com imunizante já disponível.

O número de idosos não imunizados equivale à população de Assu, 8ª cidade mais populosa do Estado.

Desde o início da campanha, o Rio Grande do Norte já imunizou pouco mais de 1 milhão de potiguares com ao menos uma dose de vacina contra a Covid-19. O número equivale a 38% da população adulta. Desse total, 400 mil já receberam também a dose de reforço – ou seja, 15% dos adultos já estão completamente imunizados.

Com o avanço da vacinação, especialmente entre a população idosa, o perfil dos internados com Covid-19 mudou na rede pública do Rio Grande do Norte. Atualmente, 7 em cada 10 internados em leitos críticos (UTIs e semi-UTIs) são pessoas com menos de 60 anos. Quando ainda não havia vacina disponível, o cenário era exatamente o oposto: idosos eram 70% dos internados.

Confira os vacinados com ao menos 1 dose por faixa etária:

18 a 19 anos – 6.992
20 a 24 anos – 32.141
25 a 29 anos – 42.551
30 a 34 anos – 51.739
35 a 39 anos – 60.168
40 a 44 anos – 68.717
45 a 49 anos – 83.660
50 a 54 anos – 121.316
55 a 59 anos – 129.379
60 a 64 anos – 128.639
65 a 69 anos – 102.563
70 a 74 anos – 89.734
75 a 79 anos – 59.141
Mais de 80 anos – 79.931

Total – 1.056.617

*Fonte: Ministério da Saúde


Ler Anterior

Empresário da Covaxin afirma que negociou linha de crédito com o Ministério da Economia

Ler Próximo

Plenário do STF reconhece decisão da Segunda Turma que declarou Moro parcial ao condenar Lula