Ministério da Saúde anuncia protocolos para a Copa América com isolamento das seleções e testes a cada 48 horas

Medidas sanitárias implementadas por CBF e Conmebol desde 2020 foram atualizadas para que as 10 delegações participantes venham ao Brasil

Jorge Pagura, Coordenador Médico da CBF. Foto: Lucas Figueiredo

O coordenador médico da CBF, Jorge Pagura, manifestou sua confiança no sistema de testagem PCR a cada dois dias em atletas, membros da comissão técnica e demais profissionais integrantes das delegações que irão participar da Copa América

“Foi um protocolo muito bem elaborado. Houve um aumento da condição de controle, testando em espaço menor de tempo, o que dá um controle maior”

A Conmebol oferece vacinas para jogadores e comissões técnicas de todas as seleções, mas a Anvisa não autoriza a aplicação dessas doses em profissionais do futebol em território brasileiro. O Ministro da Saúde  Marcelo Queiroga reforçou que não haverá vacinação dos atletas, como na Olimpíada, e que a testagem será a única medida preventiva. Apesar dessa restrição, seis das 10 seleções já foram completamente vacinadas em seus países.

Leia também

STF marca sessão de emergência para discutir suspensão da Copa América

Caboclo se diz inocente, nega intenção de demitir Tite e promete voltar à CBF

Seleção recua e vai disputar a Copa América

Após saída de Caboclo, CBF e Conmebol se reúnem para definir detalhes da Copa América

Após denúncia, Conselho de Ética afasta Rogério Caboclo da presidência da CBF

Presidente da CBF quer Tite fora da Seleção

Tite e a hipócrita Seleção Brasileira

Governo federal confirma realização da Copa América no Brasil e o RN está fora

Entidades ligadas ao turismo pedem bom senso ao Governo do Estado

Governo é contra Copa América em Natal

Conmebol define Copa América no Brasil

O ministro não comentou a decisão da Argentina de abrir mão de sediar a competição pelo alto índice de contágio que o país enfrenta. Ele diz que não cabe ao ministério fiscalizar os cuidados tomados pela população durante os jogos, mas sim aos municípios e Estados:

” As pessoas poderão ir ao restaurante torcer? Poderão. Mas precisarão seguir as regras municipais de segurança no local. Pode torcer em casa? Pode. Agora, se fizer festa em casa, vai da consciência de cada um. Não vai ser a Copa América que vai fazer isso aumentar”

O regulamento do torneio é inspirado no protocolo das competições continentais que foi aprovado pelas 10 federações afiliadas à Conmebol em 2020, quando a Libertadores foi retomada. As novidades são a limitação de um andar separado do hotel para cada delegação que chegue para a disputa nas quatro cidades-sede.

CONFIRA OS PRINCIPAIS PONTOS DO PROTOCOLO DA COPA AMÉRICA

Cada seleção isolada em um andar de hotel. Jogadores sozinhos nos quartos;

Todos testados na chegada e na saída (uma rodada de teste PCR a cada 48 horas);

Testagem um dia antes da viagem e na chegada ao país, das delegações e dos trabalhadores que terão contato com os estrangeiros;

As equipes só estarão autorizadas a deixar locais onde estejam hospedadas para treinos e jogos;

Voos fretados;

Questionários para monitoramento dos sintomas.


Ler Anterior

“Tome CUIDADO com quem você coloca na SUA VIDA” – Momento de Reflexão com Miguel Weber

Ler Próximo

Fauci pode acabar com a pandemia?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *