BUSCAR
BUSCAR
Ministério da Saúde promete enviar 100 cilindros de oxigênio para o RN

A governadora Fátima Bezerra (PT) divulgou neste sábado (20) que contatou o ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello, para pedir suporte quanto ao enfrentamento da crise de oxigênio das redes de saúde dos municípios do Rio Grande do Norte. Em resposta, a pasta garantiu o envio de 100 cilindros de oxigênio já no começo da semana.

“Passando rapidinho pra atualizar vocês sobre mais esse desafio pandêmico, que é a luta por mais oxigênio para os nossos municípios. Como vocês sabem, nossas unidades de referência estaduais estão abastecidas, mas as redes municipais já pedem socorro. Ainda hoje conversei com o general Ribaldo, o responsável pela logística, e coloquei a situação e a necessidade de agilidade”, afirmou a governadora nas redes sociais.

A maioria dos municípios potiguares já sinalizou dificuldades com o estoque de oxigênio. A informação faz parte de um levantamento do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde, realizado entre 17 e 18 de março. 117 prefeituras responderam o questionário. Apenas 29,05% de municípios afirmaram não enfrentar problemas. O Conselho disse também que mais de 60 cidades, o que corresponde a 59,82% dos municípios participantes da pesquisa, já receberam sinal de alerta de fornecedores sobre a possível dificuldade no abastecimento de oxigênio.

Fátima Bezerra comentou que o Ministério da Saúde confirmou que atenderá ao pleito no sentido de requisitar usinas para o estado do RN produzir oxigênio.

O Estado também receberá concentradores, que servem para racionalizar e assim potencializar o oxigênio dos hospitais, de acordo com a governadora. Essa ação, segundo a gestora, foi resultado de diálogo com o governador do Amazonas, Wilson Miranda Lima. “O Amazonas vai nos enviar esses equipamentos pelo que estão chamando ‘operação Gratidão’. O Amazonas agora retribui o gesto que tivemos quando recebemos nossos irmãos amazonenses no momento em que mais precisaram”, disse.

Rua Carlos Chagas, 3466, Candelária, Natal/RN
(84) 4009-9898
[email protected]