BUSCAR
BUSCAR
Bolsonaro
Ministro da Justiça pede a PF inquérito contra revista que comparou Bolsonaro a Hitler
Ministro fala sobre possível crime contra a honra - Foto: Reprodução/IstoÉ
Ministro fala sobre possível crime contra a honra - Foto: Reprodução/IstoÉ

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres, solicitou abertura de inquérito na noite de 4ª feira (21.out.2021) contra a revista IstoÉ. A solicitação é referente à capa da edição de 15 de outubro que compara o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) a Adolf Hitler, líder da Alemanha nazista na 1ª metade do século 20. Torres solicita a apuração de possível crime contra a honra.

Segundo apresentado no documento que Torres divulgou, o ministro solicitou à PF (Polícia Federal) a adoção de providências imediatas de “apuração dos fatos relatados, sem prejuízo de outros eventualmente caracterizados”.

A União, representada pela AGU (Advocacia-Geral da União), enviou na 2ª feira (18.out) uma notificação extrajudicial à revista IstoÉ pedindo direito de resposta pela capa que associa Bolsonaro a Hitler.

Como direito de resposta, a AGU requer que seja veiculada uma nova capa dizendo que “Bolsonaro defendeu a vida, o emprego, a liberdade e a dignidade”.

Fonte: Poder 360

Rua Carlos Chagas, 3466, Candelária, Natal/RN
(84) 4009-9898
[email protected]