BUSCAR
BUSCAR
Terceira dose
Natal inicia aplicação da 3ª dose da vacina contra Covid-19 em imunossuprimidos
(Foto: Voisin/Phanie/AFP)

A capital potiguar começa nesta quarta-feira (6) a aplicar a dose de reforço da vacina contra a Covid-19 em imunossuprimidos.

Esse público pode tomar a dose de reforço 28 dias após segunda dose, independente da idade. A vacina é aplicada nos três pontos de drive (Via Direta, Palácio dos Esportes e Nélio Dias) e em todas as unidades de saúde do município.

De acordo com os critérios do Plano Nacional de Operacionalização do Ministério da Saúde, os imunossuprimidos devem apresentar laudo médico que comprove estar dentro dos critérios (veja abaixo).

As pessoas que receberão a dose adicional são as com:

  • Imunodeficiência primária grave;
  • Quimioterapia para câncer;
  • Transplantadas de órgão sólido ou de células tronco hematopoiéticas (TCTH) em uso de drogas imunossupressoras;
  • Pessoas vivendo com HIV/Aids;
  • Uso de corticóides em doses > 20mg/dia de prednisona, ou equivalente, por > 14 dias;
  • Uso de drogas modificadoras da resposta imune (ver tabela);
  • Pacientes com hemodiálise;
  • Pacientes com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas (reumatológicas, autoinflamatorias, doenças intestinais inflamatórias);
  • Drogas modificadoras da resposta imune e doses consideradas imunossupressoras;

A Prefeitura de Natal anunciou que também podem tomar a dose de reforço a partir desta quarta (6) os idosos a partir de 65 anos que tenham completado o esquema vacinal há pelo menos seis meses. No entanto, os idosos ainda não completaram os seis meses necessários de diferença entre a segunda e a terceira dose. Assim, não há público para receber o imunizante nessa faixa etária.

A SMS informa que no Vacina Natal é possível ver todos os públicos em vacinação, documentação, dúvidas frequentes e demais informações sobre e vacinação na capital.

Com informações complementares do G1 RN

Rua Carlos Chagas, 3466, Candelária, Natal/RN
(84) 4009-9898
[email protected]