“Oposição está sem discurso”, afirma Natália Bonavides sobre CPI na Assembleia contra governo Fátima

Deputada federal Natália Bonavides (PT-RN) – Foto: Luis Macedo / Câmara dos Deputados

A deputada federal Natália Bonavides (PT-RN) criticou nesta quarta-feira (26) a articulação de deputados estaduais de oposição que conseguiram reunir nesta semana assinaturas suficientes para abrir, na Assembleia Legislativa, uma comissão parlamentar de inquérito (CPI) para investigar gastos do governo Fátima Bezerra (PT) durante a pandemia da Covid-19.

Ao PORTAL DA 98 FM, a parlamentar potiguar declarou que, ao articular a CPI, a oposição a Fátima na Assembleia demonstra que “está sem discurso”. “Órgãos como o TCE e a CGU já publicaram relatórios que mostram a lisura do governo Fátima nas ações de enfrentamento a pandemia. O governo Fátima tem feito um importante trabalho e a oposição está sem discurso. Por isso tentam criar um fato para ter no que se apegar”, afirmou a petista.

Na declaração, Natália fez referência a um relatório do Tribunal de Contas do Estado (TCE) que detalha como o Governo do Rio Grande do Norte aplicou recursos federais em 2020. O documento não encontrou irregularidades no uso de R$ 1,1 bilhão enviados ao Estado em receitas extraordinárias no ano passado para mitigar os efeitos da pandemia sobre a economia e a saúde.

Além disso, veio à tona nesta quarta-feira um relatório da Controladoria-Geral da União (CGU) que aponta que, em 21 estados, há indícios de irregularidades na aplicação de recursos federais enviados durante a pandemia. O Rio Grande do Norte está fora da lista.

“Se (deputados de oposição) estivessem realmente preocupados, estariam pensando medidas para ajudar a população e investigar gestores que insistem no uso de medicamentos sem eficácia comprovada”, finalizou a deputada.

Como o PORTAL DA 98 FM noticiou, deputados de oposição já reuniram assinaturas suficientes para instalar uma CPI para apurar gastos da gestão estadual durante a pandemia de Covid-19. O requerimento para abrir a comissão deverá ser protocolado na próxima quinta-feira (27). Os detalhes do pedido ainda não foram divulgados.


Ler Anterior

CPI convoca 9 governadores e ex-governador do RJ Wilson Witzel

Ler Próximo

CPI: Randolfe Rodrigues apresenta requerimento para convocar Bolsonaro a depor