Organização Mundial da Saúde (OMS) confirma dois casos de coronavírus entre seus funcionários

A Organização Mundial da Saúde (OMS) confirma dois casos de coronavírus entre seus funcionários e manda para casa centenas de seus funcionários considerados como não-essenciais

Compartilhe esse post

Foto da ONU / Jean-Marc Ferré

A Organização Mundial da Saúde (OMS) confirma dois casos de coronavírus entre seus funcionários e manda para casa centenas de seus funcionários considerados como não-essenciais.

Os trabalhos na entidade vão continuar, mas a partir de suas residências e permeio remoto. Um grupo ainda está dentro da sede da entidade para garantir a operação, num esquema de revezamento. Os casos revelam como a diplomacia internacional também sofreu um freio, justamente quando mais se necessitava.

A partir desta semana, os encontros da OMS com os jornalistas foram suspensos e serão realizados apenas por webcast. Outras reuniões também seguirão o mesmo padrão e os corredores estão vazios.

A OMS assumiu o comando da luta contra o coronavírus e, desde janeiro, vem atuando 24 horas para monitorar a crise, estabelecer estratégias de combate e coordenar uma ação internacional, inclusive na busca de vacinas. Na ONU, um caso também foi confirmado em Genebra, levando a entidade a fechar dezenas de seus escritórios e obrigar funcionários a trabalhar de casa. Algumas das reuniões apenas voltarão a ocorrer em maio, principalmente no que se refere aos direitos humanos.

Com informações do UOL


Compartilhe esse post

Ler Anterior

22º Rally RN 1500 será remarcado

Ler Próximo

Rio de Janeiro decreta situação de emergência em virtude do coronavírus

Envie uma mensagem para o setor responsável.
WeCreativez WhatsApp Support
98 FM
Pedir Música
Acessível
WeCreativez WhatsApp Support
Flávio Amorim
Comercial
Acessível
WeCreativez WhatsApp Support
Sheyla
Vendas
Acessível
WeCreativez WhatsApp Support
Vanessa
Vendas
Acessível
WeCreativez WhatsApp Support
Peça uma Pizza
Acessível