Prefeito de Caicó exonera “fura filas” que tomaram vacina e postaram nas redes

O prefeito da cidade de Caicó, Dr. Tadeu (PSDB) exonerou dois servidores comissionados que tomaram a vacina contra a Covid-19 e postaram imagens nas redes sociais.

Foram exonerados os servidores Almir Pereira de Araújo Neto, subcoordenador de Saneamento e Oficina Sanitária, e Jedson Juan Alves Cardoso, diretor do Departamento da Central de Abastecimento Farmacêutico.

Segundo o prefeito, será aberta uma sindicância para apurar se houve ilegalidade na vacinação dos servidores e que os responsáveis por qualquer ato ilícito serão punidos.

“De início, já determino a abertura de uma sindicância para apurar se houve ilicitude na vacinação do servidor, bem como EXONERO os dois servidores responsáveis pela digitação do e-Sus e, desde já, deixo claro que, se for constatado qualquer ilícito, os responsáveis responderão por isso, seja ele quem for”, publicou Dr. Tadeu em seu Instagram.


Ler Anterior

Cresce número de pedidos de impeachment de Bolsonaro na Câmara

Ler Próximo

Governo do Estado sanciona lei que proíbe corte de água, luz, telefone e gás em finais de semana e feriados