Retomada do ensino privado em Natal será lenta, afirma Sindicato das Escolas Particulares

No Repórter 98 desta segunda-feira (14), o presidente do Sindicato das Escolas Particulares de Natal, Alexandre Marinho, informou que a retomada das escolas será gradual e de maneira responsável. “O custo da retomada é elevado, muitas escolas estão testando seus funcionários para COVID-19 e readequando suas estruturas”, justificou.

Duas escolas particulares de Natal reabriram no 1º dia de liberação de aulas presenciais. Colégio Porto e Maple Bear. Outras instituições de ensino já anunciaram que reabrem nesta terça (15). As escolas que decidiram reabrir têm que seguir um rígido protocolo de segurança sanitária que será fiscalizado pelo Procon.

De acordo Alexandre Marinho muitas escolas ainda estão se adequando ao sistema híbrido – que prevê aula presencial e remota – para só então reabrir. “Algumas escolas já marcaram a data de retorno para a próxima segunda, dia 21, mas até o dia 28 a maioria já estará funcionando com o ensino presencial”, disse.


Ler Anterior

Arrecadação de ICMS no RN cresce 2% em agosto

Ler Próximo

Escolas privadas do RN registram 39% de inadimplência, 1,2 mil demissões e 15% de falência