São Paulo e Flamengo na disputa por vaga na semifinal da Copa do Brasil

Além do confronto do Morumbi mas três jogos decisivos nesta quarta-feira

No Maracanã, Tricolor segurou a pressão da equipe carioca e venceu por 2 a 1, conseguindo vantagem do empate para o confronto da volta. Foto: CBF

A  quarta-feira (18)  é reservada para os confrontos de volta pelas quartas de final do Brasil. Às quatro e meia da tarde, Grêmio e Cuiabá se enfrentam em Porto Alegre. Como o Tricolor Gaúcho venceu o primeiro confronto por 2 a 1, a equipe de Renato Portaluppi passa de fase com um simples empate. Por outro lado, o Cuiabá só avança se vencer por dois gols de diferença. Se os mato-grossenses vencerem por apenas um gol de vantagem, a decisão da vaga irá para as penalidades.

Sete da noite  19h tem  Ceará e Palmeiras, na Arena Castelão, em Fortaleza. O Verdão encaminhou a vaga no jogo de ida, ao vencer em casa o Vozão por 3 a 0 no primeiro jogo das quartas.  Mesmo se perder por dois gols de diferença, os paulistas se classificam às semifinais. Já o Ceará terá de vencer por quatro gols para avançar direto. Se o Vozão derrotar Alviverde por três gols de diferença, haverá disputa de pênaltis.

No Morumbi, 21h30,  tem   São Paulo x Flamengo, com o  Tricolor jogando pela  vantagem do empate para avançar às semifinais do torneio, já que venceu a partida de ida por 2 a 1 no Maracanã. O Flamengo  precisa vencer por dois gols de diferença para permanecer sonhando com o título. Caso os cariocas ganhem por apenas um gol de diferença, a definição da vaga será na cobrança de pênaltis.

Também às 21h30, o América Mineiro recebe o Internacional em Belo Horizonte e depende apenas de um empate para seguir na competição.. O Coelho construiu a vantagem no jogo de ida, em Porto Alegre, quando venceu o Colorado por 1 a 0. Já o time gaúcho só se classifica se ganhar por dois gols de diferença. Se a vitória da equipe do treinador Abel Braga for por apenas um gol de vantagem, a decisão da vaga será nas penalidades.

 


Ler Anterior

PF investiga grupo que fraudava auxílio emergencial

Ler Próximo

Resultado final da última fase de teste da vacina Pfizer aponta eficácia de 95%