Claudia Sheinbaum vence eleição no México e se torna 1ª mulher a assumir presidência no país

Claudia Sheinbaum vence eleição no México e se torna 1ª mulher a assumir presidência no país - Foto: Instagram / Reprodução
Claudia Sheinbaum vence eleição no México e se torna 1ª mulher a assumir presidência no país - Foto: Instagram / Reprodução

A candidata governista Claudia Sheinbaum venceu a eleição presidencial do México neste domingo (2). Apadrinhada pelo atual presidente, Andrés Manuel López Obrador, Sheinbaum será a primeira mulher a assumir o cargo no país.

A vitória é indicada pela contagem preliminar dos votos do Instituto Nacional Eleitoral (INE), a principal autoridade eleitoral do país. Com 77% das urnas apuradas, Sheinbaum obteve entre 58,3% e 60,7% dos votos na contagem do INE. Na sequência, a opositora Xóchitl Gálvez conquistou entre 26,6% e 28,6%, ainda de acordo com a projeção.

O modelo de contagem adotado pelo INE estima o resultado da eleição com base em uma amostra representativa da votação em todo o país, a partir de dados de locais de votação de todo o país. A margem de erro é de 1,5 ponto percentual para mais ou menos, segundo o próprio instituto.

No entanto, Gálvez já reconheceu a derrota em discurso para sua base e disse ter ligado para Sheinbaum para dar os cumprimentos para a governista.

Repercussão

O presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva parabenizou a mexicana e disse estar feliz pelo fato de a vitoriosa ser aliada de López Obrador “e por ser uma mulher também”.

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, também parabenizou Sheibaum.

“Espero trabalhar de maneira próxima com a presidente eleita Sheinbaum no espírito de colaboração e amizade que reflete os laços duradouros entre os dois países”, declarou.