[VÍDEO] Contorno ‘natural’ com protetor solar vira trend; prática pode danificar a pele

Nova tendência de beleza que viralizou é a do "contorno natural" com protetor solar — Foto: Reprodução / TikTok
Nova tendência de beleza que viralizou é a do "contorno natural" com protetor solar - Foto: Reprodução / TikTok

Passar protetor apenas em algumas partes do rosto (ou do corpo) e deixar outras expostas ao sol para criar efeitos de luz e sombra com “contornos naturais”, como prega uma nova trend nas redes sociais, é uma prática arriscada para a saúde da pele.

A hashtag #sunscreencontouring (em português, contorno de protetor solar) conta com milhares de vídeos e visualizações, principalmente no TikTok. Nesta trend, perigosa para a saúde, a ideia é basicamente fazer com o protetor solar a técnica de contorno facial que é feita com maquiagem.

Nos vídeos, os criadores de conteúdo fazem, intencionalmente, linhas de bronzeamento no rosto, com a intenção de que ele fique “contornado” pelo sol.

Eles deixam uma parte do rosto sem proteção, o que não é recomendado por especialistas, enquanto aplicam uma quantidade maior de protetor nas regiões que não querem queimar. Depois, vão para o sol, com o objetivo de criar linhas com o bronzeado.

Alguns ainda sugerem que fazer isso na barriga pode salientar os “gominhos” do abdômen.

Alerta de risco

Deixar parte da pele exposta ao sol sem protetor traz riscos e faz mal para a saúde da pele. Para a pele ficar protegida, tudo que ficar exposto precisa estar devidamente protegido.

“A curto prazo, a pessoa pode até achar que isso é bom, mas a longo prazo isso pode causar câncer de pele e envelhecimento”, alerta Viviane Scarpa, dermatologista especialista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Isso porque, como explica a médica, não adianta passar protetor em parte do corpo ou rosto e deixar o restante exposto ao sol.

“O bronzeamento é uma resposta do nosso corpo a alguma agressão. Então, toda vez que a gente se bronzeia, aquilo é uma resposta da pele para proteger o DNA celular. O sol, a longo prazo, causa mais envelhecimento, manchas e até câncer de pele.”

A recomendação saudável para conseguir esse feito, como sugere a dermatologista, é usar maquiagem. E, se for se expor ao sol, usar maquiagem com filtro solar ou usar maquiagem e filtro solar.

“A maquiagem você vai colocar e vai tirar. A partir do momento que você bronzeou a pele, o dano é para a vida inteira. O efeito do sol na pele acumula. O que causou de dano celular vai ser para o resto da vida.”

E, mesmo a maquiagem, a recomendação é optar por produtos testados dermatologicamente e retirar tudo antes de dormir. Já se o intuito é fazer o efeito no corpo, Scarpa recomenda usar autobronzeadores (mas sempre, claro, que tenham procedência e sejam devidamente certificados).

Fonte: G1