Greve dos motoristas de ônibus de Natal deve começar na próxima semana, diz Sintro

Greve dos motoristas de ônibus de Natal deve começar na próxima semana - Foto: Divulgação/STTU

Os motoristas de ônibus do sistema de transporte público de Natal aprovaram indicativo de greve nesta terça-feira (28). A partir dessa definição da categoria, o Sindicato dos Rodoviários do Rio Grande do Norte (Sintro-RN) vai se reunir com a classe empresarial nesta quarta-feira (29) e, não havendo avanço na rodada de negociação, os trabalhadores vão anunciar a greve. Seguindo a lei de greve, o início do movimento paredista ficaria para a próxima semana, segundo o sindicato.

As entidades sindicais ou trabalhadores são obrigados a comunicar a deflagração da greve, em serviços ou atividades essenciais, com antecedência mínima de 72 horas da paralisação.

A nova redada de negociação entre trabalhadores e empresários está marcada para esta quarta-feira (29), às 18h. “Caso tenha avanço na reunião, onde atenda a expectativa da categoria, tudo bem. Se não, será mantida a decisão da assembleia”, afirmou o diretor de Comunicação do Sintro-RN, Harley Davidson.

Os trabalhadores rodoviários reivindicam aumento salarial acima da inflação de no mínimo 5%, garantia de R$ 600 de vale alimentação, plano de saúde pago integralmente pelas empresas e renovação da carteira de habilitação dos motoristas também custeada pelas empresas, além da manutenção de todas as cláusulas que já estão na convenção coletiva.

“A partir de amanhã, nós sentaremos aqui com a direção do sindicato para definir um calendário de lutas. Deveremos fazer caminhadas e coletivas na cidade até culminar no movimento de greve, que toda cidade já estará sabendo”, disse o assessor do Sintro-RN, Carlos Silvestre.

Fonte: Tribuna do Norte