BUSCAR
BUSCAR

Jornalistas são retidos na venezuela por ordem de Maduro

 Foto: Venezuelan Presidency / AFP

Fonte: G1

Seis integrantes de uma equipe da Univision Noticias ficaram retidos por cerca de duas horas no Palácio Miraflores, sede da presidência da Venezuela, na tarde de segunda-feira (25). Segundo a emissora, a maior rede de televisão hispânica dos Estados Unidos, a ordem partiu de Nicolás Maduro. A equipe será deportada nesta terça-feira (26).

O jornalista Jorge Ramos, um âncora veterano nascido no México, disse em entrevista à Univision que perguntou a Maduro sobre a falta de democracia na Venezuela, a tortura de presos políticos e a crise humanitária do país.

Em 2015, Ramos teve problemas com Donald Trump, sendo expulso de uma entrevista coletiva com o então pré-candidato à presidência dos EUA.

Ramos, que já tinha entrado em choque com Trump sobre temas como imigração e deportação, se levantou para fazer uma pergunta e foi ignorado pelo magnata, que cedeu a palavra a outro jornalista. Ele insistiu e Trump se irritou: “desculpe-me, mas o senhor não foi chamado, sente-se”.

“Tenho o direito de fazer uma pergunta”, retrucou Ramos, ao que Trump respondeu: “volte para a Univisión”. Ramos foi então retirado da sala pelos seguranças.

Rua Carlos Chagas, 3466, Candelária, Natal/RN
(84) 4009-9898
[email protected]
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com