BUSCAR
BUSCAR
Economia
Natal tem maior redução no preço da cesta básica em julho, aponta Dieese
Foto: Reprodução/TV Globo

O preço da cesta básica caiu 3,96% no mês de julho em Natal, no comparativo com junho. Os dados estão na Pesquisa Nacional da Cesta Básica de Alimentos, divulgado na sexta-feira (5) pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese).

É a maior redução entre as 17 capitais pesquisadas: Natal (-3,96%), João Pessoa (-2,40%), Fortaleza (-2,37%) e São Paulo (-2,13%).

No ranking dos maiores preços, Natal ocupou a 14ª posição entre as 17 capitais, com o valor de R$ 587,58. Na comparação com julho de 2021, a cesta teve alta de 16,01%. Na variação acumulada ao longo do ano, o aumento foi de 10,96%.

Segundo o Dieese, em julho, entre os 12 produtos que compõem a cesta básica, cinco tiveram aumento nos preços médios na comparação com o mês anterior: leite integral (30,95%), feijão carioquinha (1,58%), pão francês (1,09%), arroz agulhinha (0,17%) e manteiga (0,14%).

Outros sete produtos apresentaram redução nos preços: tomate (-31,14%), óleo de soja (-6,30%), banana (-5,05%), farinha de mandioca (-2,36%), carne bovina de primeira (-2,03%), açúcar refinado (-1,46%) e café em pó (-1,27%).

O levantamento apontou ainda que, no acumulado dos últimos 12 meses, 11 dos 12 produtos da cesta tiveram alta: café em pó (58,69%), leite integral UHT (54%), banana (37,56%), feijão carioquinha (27,37%), óleo de soja (24,58%), farinha de mandioca (23,01%), açúcar refinado (19,19%), pão francês (16,49%), tomate (13,65%), manteiga (13,43%) e carne bovina de primeira (4,97%). Apenas o arroz agulhinha acumulou taxa negativa (-8,09%).

Fonte: g1RN

Rua Carlos Chagas, 3466, Candelária, Natal/RN
(84) 4009-9898
contato@98fmnatal.com.br
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com