Prato típico vira patrimônio imaterial do RN

Fonte: G1

A governadora do estado, Fátima Bezerra (PT) sancionou uma lei que considera como Patrimônio Cultural Imaterial do Estado do Rio Grande do Norte a Ginga com Tapioca – um prato típico da capital potiguar. A sanção foi publicada nesta quinta-feira (31) no Diário Oficial do Estado.

O prato é feito basicamente da combinação da tapioca, feita da goma de mandioca e coco, com a ginga – um pequeno peixe frito em óleo com azeite de dendê, espetado e colocado como recheio da tapioca.

A iguaria é encontrada e apreciada principalmente nas praias da capital potiguar. Tradicionalmente, a origem do prato é atribuída a pescadores da praia da Redinha, na Zona Norte da capital.