BUSCAR
BUSCAR
Inusitado

Sogro ganha caixão de presente do genro e coloca como decoração na sala: ‘Passo até óleo de peroba’

Claudinei Paz do Santos com seu caixão na sala de estar — Foto: Arquivo pessoal

Ter um caixão pode parecer um desejo incomum, mas para Claudinei Paz do Santos, de 41 anos, era um sonho antigo que foi realizado ainda em vida com a ajuda do genro.

Diego Aparecido Stabile, genro de Claudinei, contou que comprou o caixão para atender a pedidos antigos do sogro. O item custou R$ 1,8 mil e foi escolhido a dedo pelo próprio Claudinei.

“Meu caixão está guardado, bonito e bem cuidado. Estou feliz com meu caixão em casa. É um amigo, passo até óleo de peroba”, contou.

Claudinei mora em Grandes Rios, no distrito de Ribeiro Bonito. A localidade fica a 143 quilômetros de Maringá, no norte do Paraná.

“Era um sonho dele desde moleque. Ele ficou pedindo e pedindo e aí resolvi comprar e dar de presente para ele”, disse Diego, genro de Claudinei.

Da funerária para… a sala de estar

O caixão foi encomendado em uma funerária de Grandes Rios e a aquisição foi entregue para Claudinei depois de muita expectativa dele.

Na casa do homem, o caixão recebe a mesma importância que um móvel e fica em exposição permanente na sala de estar. Claudinei contou que faz questão que as visitas o vejam.

O homem mora sozinho em uma casa de madeira alugada.

“Fica em uma sala, sozinho [o caixão]. Cumprimento ele todos os dias e cuido certinho. Mesma coisa de ser um móvel para mim. Estou feliz […] gostei do meu presente, sempre quis ter”.

De acordo com o genro, apesar da satisfação do homem com o caixão, familiares estranharam o desejo de Claudinei.

Diego, entretanto, contou que queria ver o sonho do sogro realizado.

“No começo ficamos assustados. Achamos uma loucura, mas é um desejo antigo dele antigo e sempre pediu, então resolvi dar isso para ele”, falou.

Fonte: G1

Rua Carlos Chagas, 3466, Candelária, Natal/RN
(84) 4009-9898
[email protected]
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com