Suspeito de estupro morre em confronto com a polícia em Canguaretama; outros três homens são presos na ação

Ação foi deflagrada por policiais civis da 104ª Delegacia de Canguaretama (104ªDP), em ação conjunta com a 2ª Companhia de Polícia Militar de Canguaretama. Foto: Polícia Civil
Ação foi deflagrada por policiais civis da 104ª Delegacia de Canguaretama (104ªDP), em ação conjunta com a 2ª Companhia de Polícia Militar de Canguaretama. Foto: Polícia Civil

Um suspeito de estupro e roubo morreu em confronto com a polícia nesta quarta-feira (5) em Canguaretama. Mais três homens foram presos durante a ação, que foi deflagrada por policiais civis da 104ª Delegacia de Canguaretama (104ªDP), em ação conjunta com a 2ª Companhia de Polícia Militar de Canguaretama.

O homem que morreu tem 21 anos de idade, e segundo a polícia ao ser localizado, o suspeito não se rendeu e reagiu, o que fez com que as equipes policiais tivessem que agir.

Após localizar o paradeiro do homem foragido, os policiais cercaram uma casa, momento em que ele saiu do imóvel armado e abriu fogo contra as equipes, que revidaram. O homem ficou ferido, foi socorrido e levado ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

Outros três homens foram presos no local, sendo que um deles estava cumprindo pena no regime semiaberto, e outro foi identificado pela polícia como líder de uma facção criminosa atuante no município de Montanhas. Na residência, as autoridades também encontraram armas de fogo, drogas, celulares, veículos, bolsas pertencentes a diversas vítimas, munições e objetos relacionados a atividades criminosas.

Os três suspeitos foram autuados por formação de organização criminosa, associação para o tráfico e tentativa de homicídio contra os policiais. Os homens foram encaminhados ao sistema prisional, onde permanecerão à disposição da Justiça.