Após empate com lanterna, América liga alerta para evitar vexame na D

Foto: Gabriel Leite

Na noite da última quarta-feira (3), o América ficou apenas no empate contra o lanterna, Potiguar de Mossoró. O resultado deixou o time alvirrubro na quarta colocação do grupo A3, com 12 pontos, empatado com o Atlético Cearense, que é terceiro por possuir uma vitória a mais na competição.

Hoje, o América avançaria para a fase mata-mata da série D. Entraria como pior classificado do grupo, tendo de decidir os jogos da segunda fase, fora de casa. Mas, o time ainda não está garantido lá. Restando três jogos para o término da fase de grupos, o Souza/PB está a 3 pontos do alvirrubro. O Santa Cruz de Natal, que já venceu o América na competição, está a 4.

No próximo domingo, às 18h, o América terá a primeira de três finais para evitar, o que seria um vexame histórico: ser eliminado da série D, ainda na fase de grupos. O oponente é um concorrente direto, o Santa Cruz de Natal, no Estádio Casa de Apostas Arena das Dunas. O duelo promete ser tenso, e a torcida mais uma vez deve comparecer em bom número. Após esse confronto, o América ainda encara o Atlético Cearense, fora de casa, e o Maracanã, dentro dos seus domínios.

Para não ter de fazer contas, o time alvirrubro precisará ser mais letal no terço final do campo. Nos últimos jogos, a equipe vem sofrendo com falta de criatividade e má pontaria nas finalizações. A Hipe, SAF que administra o futebol do clube, demorou a trazer reforços para o ataque. O maior nome, Ricardo Bueno, chegou lesionado, e ainda esta fora de ritmo. Outro nome, Thiaguinho, só poderá estrear em 17 de julho, por conta da janela internacional. Diante da necessidade imediata de resultados, a gestão do futebol vem sendo criticada por parte da torcida.