Lira dispensa deputados de registrarem presença na semana de São João

Presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL) - Foto: Mário Agra / Câmara dos Deputados
Presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL) - Foto: Mário Agra / Câmara dos Deputados

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), dispensou todos os deputados federais de registro de presença obrigatório na próxima semana, entre 24 e 28 de junho.

Inicialmente, Lira liberaria apenas os deputados do Nordeste, em decorrência das festividades de São João, e do Rio Grande do Sul, diante da tragédia climática no território gaúcho, mas ampliou a medida para todos os parlamentares depois de convencido pelos congressistas.

Lira também foi pressionado após o Senado Federal liberar todos os senadores das atividades em Brasília (DF) no período.

Na segunda-feira (24), é celebrado o Dia de São João, um dos santos populares das festas juninas. Apesar de não ser feriado nacional, muitas cidades festejam a data em comemoração ao santo.

Viagem para o exterior

Lira não estará em Brasília na próxima semana. O presidente da Câmara deverá participar de um congresso em Lisboa, capital de Portugal, do Instituto Brasileiro de Ensino, Desenvolvimento e Pesquisa (IDP), do ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), e da FGV.

Dessa forma, a Câmara dos Deputados deverá ficar esvaziada na próxima semana. No entanto, logo depois do breve recesso para as festividades juninas, a previsão é de que os dois grupos de trabalho (GTs) criados para debater a regulamentação da reforma tributária apresentem os relatórios finais na primeira semana de julho.