[VÍDEO] Prefeito Álvaro Dias teve “atitude delinquente” ao invadir o Idema, afirma secretário

Secretário Raimundo Alves (Casa Civil) dá entrevista coletiva na Governadoria ao lado de demais auxiliares da gestão estadual - Foto: Tiago Rebolo / 98 FM
Secretário Raimundo Alves (Casa Civil) dá entrevista coletiva na Governadoria ao lado de demais auxiliares da gestão estadual - Foto: Tiago Rebolo / 98 FM

O secretário-chefe do Gabinete Civil do Governo do Estado, Raimundo Alves, classificou como “atitude delinquente” a invasão promovida pelo prefeito Álvaro Dias (Republicanos) e seus apoiadores na manhã desta segunda-feira (8) na sede do Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente do Estado (Idema).

Em coletiva de imprensa na Governadoria logo depois do episódio, o secretário afirmou que o Idema é um órgão técnico e que é o prefeito que está “politizando” a discussão sobre o licenciamento ambiental para a obra da engorda da Praia de Ponta Negra.

“Foi uma coisa absolutamente vergonhosa. O governo quer repudiar essa atitude. Ameaçando servidores, bolsistas, trazendo prejuízos ao patrimônio público. Isso tudo vai ser apurado. Esse tipo de atitude revela os mesmos negacionistas que negaram a pandemia, alguns até que defendem que a Terra não é redonda. Agora negam o meio ambiente. O Idema é um órgão técnico, responsável. Não existe interferência política. É muito grave tentar politizar uma obra como essa. Esse projeto vem sendo discutido desde 2012 e ele agora quer partidarizar às vésperas das eleições. Isso é muito grave, irresponsável. Traduz a atitude delinquente que ele teve hoje”, afirmou Raimundo Alves.

Ainda segundo Raimundo Alves, o Idema vai acionar a Polícia Civil e o Ministério Público para que seja aberta uma apuração sobre o ato organizado pelos apoiadores do prefeito.